Gladson herdará rombo financeiro de R$ 500 milhões ao assumir governo, aponta relatório

Publicado em 22 de novembro de 2018

O governador do Acre eleito para a próxima gestão, Gladson Cameli (PP), irá reunir sua equipe de transição para a análise do relatório técnico preparado nos últimos dias e que mostra a dimensão do envididamento do Estado.

A apresentação do relatório, aberto à imprensa, acontecerá às 14:30 horas no Tribunal de Contas do Estado (TCE). De acordo com um dos técnicos da corte de contas e que teve acesso ao relatório, o montante da dívida ultrapassa a casa dos R$ 500 milhões, apenas no que tange a empréstimos contraídos pelo governo nos últimos anos.

O relatório a ser apresentado deverá mostrar um estado endividado com pouquíssimas margens para manter os pagamentos em dia. Uma das preocupações da próxima equipe, diante do rombo financeiro do estado, é como conseguirá pagar aposentados e pensionistas que consomem cerca de R$ 40 milhões de reais mensais.

Durante a reunião de apresentação da situação de falência do Estado, existe a expectativa de que o novo governador anuncie o enxugamento da máquina estatal com a extinção de pelo menos 12 secretarias de Estado.

Da Redação


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.