Deputado diz que alguns parlamentares eleitos podem não assumir o mandato

Publicado em 20 de novembro de 2018

O deputado estadual Raimundinho da Saúde (Podemos), fez um discurso na tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) na manhã desta terça-feira (20), que deixou os parlamentares, eleitos nessas eleições, com “uma pulga atrás da orelha”. Segundo Raimundinho, muitos dos deputados que se elegeram correm o risco de não assumirem o mandato.

O deputado não citou nomes, porém, alertou que, antes do início da próxima legislatura, haverá “surpresas” que prometem balançar as estruturas do parlamento. “Quero dizer que teremos surpresas e eu tenho certeza que a justiça será feita. Muitos dos deputados que fizeram uma ação para ganhar a eleição, não irão assumir o mandato”, disparou.

A fala do parlamentar causou um alvoroço em meio aos deputados presentes na sessão, tanto que o presidente Ney Amorim frisou: “Sua fala movimentou a imprensa”, destacou.

Críticas ao Governo

Raimundinho citou também a aprovação de um projeto de Lei, de autoria do vereador Railsom Correia (Podemos), que obriga as escolas públicas e particulares a disponibilizar equipamentos de interação social para crianças com deficiência. “Esse projeto visa atender essas crianças com necessidades especiais, para elas brincarem e interagirem com as demais”, relatou.

O parlamentar acrescentou ainda que, em breve, a prefeita Socorro Neri (PSB) deve aprovar outro projeto onde, nas creches municipais, sejam disponibilizadas vagas para portadores de deficiência física.

Em seu discurso, o deputado criticou o atual governador do Estado, Tião Viana (PT), por não dar a atenção aos deficientes e, ao mesmo tempo, enalteceu a prefeita, a qual vem fazendo um bom trabalho em todas as esferas. “O governo nunca teve interesse nessa situação especifica”, ponderou.

Fonte: Contilnet


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.