Ney Amorim não resistiu os encantos do PT e fica na FPA

Publicado em 23 de outubro de 2018

O ex-candidato ao senado atual presidente da Assembléia Legislativa do Acre, Ney Amorim, não conseguiu guardar rancor das perseguições feitas pelo o rival do próprio partido do PT Jorge Viana. Mesmo magoado com o Partido dos Trabalhadores apesar das notícias afirmando que teria vivido sérias perseguições pelo o senador Jorge Viana, também candidato ao Senado nas últimas eleições.

Uma fonte afirma que Ney Amorim não migrará para a nenhum partido de oposição. Dizem nos bastidores da política acreana que ele foi convidado pelo o governador eleito, a se filiar ao PP, más ele acha que tem potencial para uma disputa ao governo em 2022 ou ate uma vaga de federal, mas Ney Amorim deverá sim adotar um partido pequeno para fortalecer bases na própria Frente Popular do Acre.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.