Um ataque gratuito a dignidade das Mulheres cruzeirenses

Publicado em 24 de maio de 2018

Leão do Juruá

Um homem que vive entre uma crise moral e o crime. Assim é o ex-prefeito Vagner Sales, odiento, grita e não mede as palavras para ofender e denegrir a imagem da mulher cruzeirense. Fala mal da mãe e do pai de seu adversário, mesmo estes já estando mortas em um desrespeito total à imagem da família Cruzeirense, e de seu adversário, com baixarias, acusações de baixo calão, tentando que o desvio do foco das atenções da população o inocente de seus crimes.

O que nós mulheres podemos esperar de um homem que nunca respeitou nem mesmo as mulheres de sua família? Porque iria respeitar as demais mulheres acreanas?

O ex-prefeito Vagner, pelo jeito, não aceitou que seu ex-aliado o atual prefeito Ilderlei implantasse uma política de combater a corrupção, que contraria seu interesse familiar, revelou parte das mazelas da administração do passado e irá revelar muito mais quando for feita a auditoria das contas do Vagner. A velha raposa insiste em fazer da política seu negócio.

O que se vê nos grupos de Whatsapp é o ex-prefeito Vagner que vive entre a crise moral e o crime, se revelando sem classe, sem pudor, atacando a dignidade da família de seu oponente político.

Tenta adquirir o respeito pelo medo, feito um coronel do sertão, mas, não tem impressionado o prefeito Ilderlei, que tirou as garras e os dentes do leão do Juruá, transformando-o em um inofensivo gatinho assustado “pego com as mãos na botija”.

Quando o ex-prefeito Vagner confundiu educação e religiosidade de Ilderlei com medo, foi seu erro. Sua arrogância o fez não acreditar no surgimento de um líder de mão limpas, capaz de implantar uma administração renovadora e moderna que aos poucos se revela. E como diz a música Viramundo de Geraldo Azevedo fica: “Gritando alto para assustar a coragem do inimigo”. Com sua inabalável calma, Ilderlei não está nem aí para sua gritaria, mas, em defesa das mulheres obrigará o ex-prefeito Vagner que explique na justiça suas ofensas às mulheres cruzeirenses.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.