BOQUINHAS NO GOVERNO DILMA CHEGAM A 107.085

Publicado em 12 de março de 2015

PRESIDENTE DILMA TEM À DISPOSIÇÃO MAIS DE 107 MIL CARGOS COMISSIONADOS

DILMA ROUSSEFF/COLETIVA

Somados funções e cargos comissionados da administração federal, são 107.085 pessoas empregadas por livre nomeação, sem concurso, no governo Dilma Rousseff – todos indicados por militantes de partidos governistas, principalmente do PT. Os salários variam entre R$ 790 e R$ 30 mil/mês. Quando os cargos são ocupados por petistas, eles são obrigados a pagar “dízimo” para engordar ainda mais os cofres do PT.

São 47 siglas para definir cargos e gratificações de apoio, assistência, técnica, assessoria, direção e próprias de alguns órgãos, e militares.

Até para a Copa do Mundo e Olimpíadas foram criados mais cabides para pendurar “companheiros” com generosos salários de até R$ 22 mil

Pagando até R$ 14,3 mil mensais, os 31 mil cargos de direção (CD) e de assessoramento superior (DAS) estão entre os mais cobiçados.

Com a maior parte das boquinhas temporárias abertas nos governos Lula e Dilma, Brasília voltou a ser a “capital de funcionários públicos”.

Isso é mania dos governos petistas, quase pior vive o Acre, com alagação mas o governo mesmo com todas dificuldade que vive o estado, sem condições de se quer pagar a gratificação dos funcionários do Deracre, nomeou mais de 200 cargos de valor altíssimo, para a realidade do estado que vive em estado de falência tanto quanto o Brasil depois da lava jato.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.