Deputados golpistas se apossam de 10 bilhões do orçamento da União para comprarem apoios políticos.

Publicado em 12 de fevereiro de 2015

brasil PARAÍSO dos PATIFES-10

Agora não compete mais ao Governo Federal administrar o orçamento federal na sua integralidade, pois os golpistas travestidos de deputados federais decidiram que a eles cabe ordenar ao Tesouro Nacional a expressiva soma de 10 bilhões de reais para comprarem apoios especialmente de Prefeitos e Vereadores para a reeleição.

Hoje infelizmente não mais tem respeito e nem cuidado com o dinheiro publico, acesso às TVS e só falam em corrupção do vereador ao senador da republica, ate quando esses patifes vai criar vergonha na cara e parar de brincar com a cara do povo.

As assembleias o congresso nacional onde já foi uma casa seria, hoje esta lotada de patifes corruptos, um STF que esta de braços cruzados vendo a banda passar, quando fazem é ser bonzinho como foi com os ladrões do mensalão que hoje a maioria esta em casa rindo da cara do povo brasileiro.

Nosso Brasil precisa que seus filhos acordem, e vá as ruas cobrar respeito e seriedade, porque o congresso Nacional é lugar de homens sérios, e lugar de corruptos bandidos é na penal, uma vergonha é um deputado federal eleito por um partido de jogadores que vivem para roubar a nação.

Penso que claro está que essas emendas nada mais são do que moeda para financiar futuras campanhas eleitorais, a população tem sua grande participação em tudo isso que cruzam os braços e nada fazem para diminuir a sacanagem, hoje grande parte dos políticos eleitos deixam o partido que foi eleito, para ir para outro que paga mais.

Penso chegada a hora de darmos um basta a essa cambada de patifes enfiando neles, goela abaixo uma mudança constitucional que acabe com essa vigarice. Basta acabarmos com o instituto da reeleição. Reeleição, aliás, Governadores e Prefeitos,  deputados e senadores do bem, pensem no povo brasileiro. Vamos lá, vamos dar o troco a esses patifes.

Da Redação


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.