Afinal, que país é este?

Publicado em 28 de Fevereiro de 2015

Lula-Dilma-Mercadante

A frase ganhou manchetes, mereceu discursos, virou título de música, mas nunca foi respondida, e desafiou o tempo como resiliente espécie de questionamento diante das inconstâncias do povo brasileiro.

Morrem por ano mais de 30 mil pessoas no Brasil, fuziladas na guerra que tomou conta deste país imenso. E essa putrefação é a violência associada à apatia institucional, cujo resultado perverso é a impunidade legado do governo Lula.

E ninguém se preocupa com isso? Ninguém tenta deter essa sangria descomunal? O Estado à sociedade, parecem omissos, acomodados, inoperantes diante da incessante fuzilaria nossa de todos os dias.

Um congresso nacional que só se preocupa em lutar por suas regalias, e nada faz para ajudar a população, a não ser ingressarem na corrupção e massacrar toda população honesta que ainda existe no país.

O Brasil só terá jeito quando a população pedir o fim da imunidade parlamentar e a redução de salario de todos os políticos. É que os envolvidos com corrupção vá para a cadeia, e que corrupção torne crime hediondo, quem sabe dia 15 seja um passo para mudar o país.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.