27 cursos de medicina são “reprovados” pelo MEC

Publicado em 18 de dezembro de 2014
Medicina: de 154 cursos avaliados, 27 tiveram nota insuficiente

Medicina: de 154 cursos avaliados, 27 tiveram nota insuficiente

O Ministério da Educação (MEC) publicou hoje os resultados do indicador de qualidade dos cursos de ensino superior CPC (Conceito Preliminar de Curso) do ciclo de avaliação de 2013, que englobou graduações na área de saúde.

De 154 cursos de medicina avaliados, 27 tiveram conceitos considerados insuficientes pelo MEC, ou seja nível 2, na escala de 1 a 5.

Para se chegar ao conceito CPC, o MEC leva em conta itens como o desempenho da faculdade no Enade, a infraestrutura da faculdade e a titulação do corpo docente, entre outros fatores.

Cinco cursos de medicina em universidades federais estão entre os “reprovados”: Universidade Federal de São João Del-Rei (UFSJ), Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

A lista completa está disponível no Diário Oficial da União desta quinta-feira dia 18, na página 23. Há duas estaduais também classificadas com CPC insatisfatório. As outras 20 são instituições particulares.

O MEC também divulgou o desempenho das instituições no IGC ( Índice Geral de Cursos), que também é indicador de qualidade, mas que avalia as instituições de ensino superior (unviersidades, faculdades e centros universitários) como um todo, e não só os cursos como o CPC.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.