Tribunal de Contas suspende projeto de corredores de ônibus em SP do PT

Publicado em 8 de janeiro de 2014

Da Redação folhadojurua.com.br

Adad-1

O Tribunal de Contas do Município de São Paulo suspendeu nesta terça-feira (8) o projeto de corredores de ônibus do prefeito Fernando Haddad (PT-SP). Orçado em R$ 4,8 bilhões, ele é uma das principais bandeiras da gestão de Haddad frente à prefeitura paulistana.

O Tribiunal afirma que faltaram requisitos básicos para que os corredores possam ser construídos, entre eles de onde virá o dinheiro das obras e um projeto básico de engenharia e urbanismo. Por conta disso, o projeto foi suspenso.

Haddad tem como uma de suas principais bandeiras a construção de 150 quilômetros de corredores de ônibus em São Paulo. Essa foi uma das respostas do prefeito aos protestos de junho contra o aumento da tarifa do transporte público.

Fonte: Yahoo Noticias


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.