NOTA DE REPÚDIO SINJAC

Publicado em 1 de dezembro de 2013

NOTA DE REPÚDIO

Sinjac

O Sindicato dos Jornalistas do Acre vem publicamente repudiar o lamentável episódio ocorrido na madrugada deste 1º de dezembro, em Rio Branco, quando o jornalista Ingreson Derze foi detido por policiais militares no momento em que entrava em sua residência. Os agentes de segurança, de forma virulenta, buscaram intimidar o profissional da comunicação, assim como trataram de forma agressiva e desnecessária sua esposa, que foi ‘arrancada’ do veículo.

De representantes do povo e profissionais que deveriam zelar pela segurança de todos, esperamos sempre educação, bons modos e respeito aos profissionais de outras áreas.

Repudiamos de forma veemente esta forma arbitrária que o jornalista foi preso e conduzido a uma delegacia, sendo solto apenas porque o delegado não viu motivo para detê-lo.

Aproveitamos o momento para nos solidarizarmos com o companheiro e pedimos ao Comando da Polícia Militar uma conduta exemplar neste caso, posto que hoje foi com um profissional da Comunicação, e se fosse com um cidadão comum, que não tivesse repercussão?

Rio Branco, 1º de dezembro de 2013.

Junta Governativa Provisória do SINJAC

 


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.