É suicídio Tião Viana e Jorge Viana defenderem petistas presos por corrupção.

Publicado em 9 de dezembro de 2013

Marlus Ferreira

marlus_ferreira2013@outlook.com

coluna marlus

Coisa feia

* Será que não tem ninguém próximo ao governador Tião Viana para pedir que o mesmo deixe de defender os petistas presos no caso do mensalão?. O discurso em defesa desses corruptos está cada dia mais manchando a imagem do governador e do senador Jorge Viana. O que se ouve falar pela população é: “quem defende corruptos não tem moral pra comandar um estado”.

Hora da decisão

* Está bem perto o desfecho do caso do prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales. Em breve saberemos o que realmente irá acontecer com o prefeito que mais trabalhou por Cruzeiro do Sul em todos os tempos.

Não é burro

* A decisão do deputado Thaumaturgo Lima (PT) de não disputar a reeleição em 2014 foi a decisão mais acertada do deputado. Thaumaturgo já sabe que não conseguiria sua reeleição devidos alguns escândalos do mandato, como por exemplo, o caso das notas frias, e por não ser mais prioridade dentro da FPA.

Quem é?

* Saí nestes dias pelo centro de Cruzeiro do Sul perguntando para algumas pessoas se as conhecem Mâncio Lima Cordeiro. As respostas não me surpreenderam. Nunca ouvi falar. Tem colunista que não é de Cruzeiro do Sul, e fica falando baboseira para satisfazer o ego de alguns políticos. Cruzeiro do Sul não dará votos para quem não tem nenhum trabalho prestado por aqui. É o caso de Mâncio Lima Cordeiro (PT).

Ameaça

* O deputado estadual Luiz Tchê (PDT) começa a se tornar uma ameaça as pretensões do PT em 2014 em relação as eleições de federal e estadual, já que não quer se escada para ninguém.

Vai cair

* Se as novas denúncias contra o secretario da Seaprof, Lourival Marques vinher a público, nem o governador conseguirá mante-lo no cargo. É esperar pra vê.

Saindo fora

* Alguns pré- candidatos mencionados pelo senador Sergio Petecão (PSD) e Tião Bocalom (DEM) para as disputas de federal e estadual, estão saindo fora da canoa furada. A alegação de alguns será a falta de apoio financeiro.

Despercebida

* O lançamento da candidatura do deputado federal Henrique Afonso (PV) em Cruzeiro do Sul ao governo do Acre em 2014 não chamou atenção de quase ninguém influente do meio político Cruzeirense. E para quem viu seus candidatos a federal, estadual, e aliados, ficaram decepcionados.

Jogada política

* Segundo uma fonte da própria família de Henrique, o deputado não será candidato ao governo. O que está tentando fazer é buscar um espaço na oposição, já que percebeu que Tião Viana não se reelegerá em 2014.

Não decola

* A candidatura do democrata Tião Bocalom (DEM) começa a perder forças dentro da oposição. A última entrevista de Bocalom ao jornalista Alan Rick, deixou claro que Tião Bocalom não tem uma chapa competitiva de federal e estadual. Além disso não tem estrutura nenhuma para uma campanha majoritária.

O melhor é não arranhar

* Os pré-candidatos ao governo pela oposição terão que ter cuidado com o que falam. Afinal em um possível segundo turno todos terão que está no mesmo palanque, seja qual for o candidato.

Tranquilo

* Quem está mostrando uma tranquilidade de fazer inveja, é o deputado federal e pré-candidato ao governo em 2014, Márcio Bittar (PSDB). Márcio já está ciente do que acontecerá até as convenções, e pelo visto será o mais beneficiado.

Sumiço de vereador

* Em Cruzeiro do Sul tem vereador eleito em 2012 que a população só viu durante a campanha, e no dia que foi empossado. Se alguém vê um desses por aí me avisem. Quero saber o motivo do sumiço.

Em busca do evangélicos

* Muitos pré-candidatos evangélicos a federal e estadual estão infernizando a vida dos pastores de todas as igrejas em busca de apoio. Vale lembrar que pastor nenhum tem poder sobre os votos das ovelhas. Usar as igrejas em campanhas eleitorais é uma vergonha para os evangélicos.

Agenda cheia

* O deputado federal e pré-candidato ao senado Gladson Cameli(PP) não está perdendo tempo para organizar sua campanha para o senado. Gladson quando não está em Brasilia exercendo seu mandato, está percorrendo os municípios do Acre fortalecendo sua candidatura e a oposição.

No outro lado

* Enquanto isso continua uma das maiores brigas internas que a FPA já teve, hoje entre Anibal Diniz (PT), e Perpetua ALmeida (PCdoB) para serem candidatos únicos em 2014 ao senado. Nessa briga só que perde é o governador Tião Viana, que não tem pulso para acabar logo com essa discussão. Se não errar essa missão caberá ao senador Jorge Viana.

Pêsames

* Meus Pêsames aos vascaínos e tricolores. É da a volta por cima em 2014.

Um abraço abraço ao meu querido pastor Paulo Avelino da Igreja GETSÊMANE

Fone pra sugestões e informações 9994-7164


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.