Exercito faz operação e apreende 210Kg de carne de caça e 26 jabutis no Juruá

Publicado em 3 de outubro de 2017
Foto: Exército/Divulgação

Foto: Exército/Divulgação

Em uma operação do Exército Brasileiro na zona rural de Cruzeiro do Sul, foram apreendidos 210 kg de carne de animais silvestres e 26 jabutis vivos. A carne apreendida foi doada para quatro instituições de caridade do município e os animais devolvidos na manhã desta segunda (2) pelo Instituto do Meio Ambiente do Acre (Imac).

“O Imac entra com o destinamento posterior, que é justamente a destinação da carne e a soltura dos animais. A legislação diz que a carne pode ser doada para instituições públicas ou de caridade, que foi o que decidimos fazer”, disse o gerente do Imac, Ygoor Neves.

A operação se deu no rio e localizou um homem em um barco com a mercadoria. A operação já está ocorrendo há duas semanas e se trata de uma intensificação no combate aos crimes transfronteiriços em Cruzeiro do Sul.

“O objetivo é combater os transfronteiriços e diminuir o tráfico que ocorre no município. Então, uma apreensão grande, mais de 200 kg de carne e os jabutis”, afirmou o capitão Márcio Jorge, comandante da 1ª Companhia do 61º bis.

O homem foi autuado pelo crime ambiental no valor de R$ 123 mil. Os jabutis deram o total de R$ 18 mil e os 210 kg dão o total de R$ 105 mil. “O cálculo é feito de acordo com a legislação. A pessoa tem problema de restrição bancária, tem problema no CPF, enfim, uma serie de questões”, afirmou.

O Lar dos Vicentinos, Lar Esther, Educandário e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) foram as instituições que receberam as doações de carne. Os jabutis foram soltos em localidade no Rio Juruá. “Os animais vão ser devolvidos para o seu habitat que é o lugar do silvestre e vamos realizar a devida soltura”, afirmou.

 

Fonte: Exercito 61 Biz CZS


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.