Definidos os candidatos ao governo do Distrito Federal

Publicado em 30 de junho de 2014

Direto de Brasilia com Mariano Maciel

Acabar com a corrupção no Brasil só depende do povo, não colocando corruptos no poder novamente.

Acabar com a corrupção no Brasil só depende do povo, não colocando corruptos no poder novamente.

O Partido da República (PR) confirmou, neste domingo (29), a candidatura de José Roberto Arruda ao governo do Distrito Federal. Na convenção, o PR selou a aliança com o PMN, o PRTB, o PTB e com o DEM. Em 2010, quando governava o DF, Arruda foi preso.

Ficou na cadeia por dois meses sob suspeita de envolvimento em esquema de caixa dois e de distribuição de propina, conhecido como “mensalão do DEM”. Ele deixou o DEM para evitar a expulsão. Teve o mandato de governador cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral por infidelidade partidária.

Na última terça-feira (24), o ministro Napoleão Nunes Maia, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determinou a suspensão de um julgamento que estava marcado para o dia seguinte e poderia tornar Arruda inelegível. Uma turma do Tribunal de Justiça do DF julgaria um recurso formulado pela defesa de Arruda contra condenação por improbidade administrativa.

Ele foi condenado em primeira instância por conta do suposto “mensalão do DEM”.

No início de junho, a deputada distrital Liliane Roriz (PRTB) desistiu de participar da chapa de Arruda como candidata a vice-governadora. O nome do candidato a vice deve ser anunciado amanhã.


Deixe o seu comentário:

Todos os comentários postados são de responsabilidade de seus autores.